Ídolo do Flamengo diz que equipe demorou a trocar de treinador: “Entregou o Brasileirão para o Palmeiras”

Dorival Júnior orienta elenco do Flamengo no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Apesar de ter brigado pelo título do Campeonato Brasileiro de 2018, até a penúltima rodada, o Flamengo encerrou mais uma temporada com o gosto de frustração. Afinal, apesar de ter uma das maiores folhas salariais do país, o rubro-negro não conseguiu nenhuma conquista de peso entre as quatro linhas.

Para Nunes, campeão da Libertadores e do Mundial pelo clube, um dos motivos para isso foi a demora para mudança de treinador.

Em entrevista ao programa Os Donos da Bola, da Bandeirantes, o centroavante lamentou a perda do Brasileirão, afirmando que o Rubro-Negro “entregou” o título para o Palmeiras. A equipe alviverde, inclusive, chegou a ter oito pontos a menos que o Fla na competição, mas encerrou com 80, contra 72 dos cariocas.

“O Flamengo demorou muito para trazer outro treinador. Um treinador mais experiente. Entregou com açúcar o campeonato para o Palmeiras”, disse o ex-jogador. No Brasileirão, o Flamengo foi comandado por Mauricio Barbieri em 26 rodadas – com 16 vitórias, seis empates e seis derrotas – e por Dorival Júnior nas últimas 12 partidas – com sete vitórias, três empates e duas derrotas.

Para o próximo ano, o Flamengo ainda não sabe quem será o treinador. Como o contrato de Dorival se encerra ainda em 2018, o clube da Gávea já busca um novo nome para a função. Renato Gaúcho, do Grêmio, era o mais cotado. Porém, mesmo após abrir conversas com o Fla, ele optou por seguir na equipe de Porto Alegre. Com a recusa de Renato, os nomes de Dorival e Abel Braga são os com mais força para o cargo em 2019.

Retirado de: Coluna do Flamengo