Fabio Luciano relembra bronca dada em vestiário quando era capitão do Flamengo: “Mandei todo mundo sair”

Fábio Luciano em ação com a camisa do Flamengo (Foto: André Mourão/Agif/Gazeta Press)

O zagueiro Fabio Luciano defendeu o Flamengo por apenas três temporadas, entre 2007 e 2009. Entretanto, mesmo no curto período de Gávea, o jogador se tornou uma liderança para o elenco, assumindo até mesmo a faixa de capitão da equipe. Nesta quinta-feira (07 de fevereiro), o ex-atleta relembrou uma das vezes em que precisou “botar ordem” na casa para organizar o vestiário.

A declaração de Fabio Luciano foi feita no programa “ESPN – Bom Dia”, ao longo de uma análise feita sobre a viagem do São Paulo para o jogo contra o Talleres de Cordoba (ARG), na última quarta-feira (06 de fevereiro). Isso porque, na delegação tricolor, havia diversas pessoas que não eram envolvidas diretamente no futebol, o que fez o ex-capitão do Fla relembrar o episódio.

– Quando cheguei ao Flamengo e consegui uma autonomia de liderança, teve um episódio que a gente estava na final de um Carioca, e o vestiário encheu de conselheiros… quando a gente foi pra a reza, eu sempre dava a última palavra. Quando fui para fechar, vi que tinha muita gente ali, que não faziam parte de nosso ambiente. Voltei para onde eu estava. Quando voltei, falei: “Quem não tava aqui no primeiro jogo da gente, contra o Bangu, vaza daqui agora. Não quero saber”. Tinha ator da Globo, conselheiro… “Eu só vou falar com meu time quando essas pessoas saírem. Só fica quem estava no primeiro jogo, contra o Bangu”. Sabe o que aconteceu? Não tem como perder (a partida) –, contou Fabio.

Retirado de: Coluna do Flamengo