Sem Pedro, Flamengo mira alternativas para o setor ofensivo

Abel Hernandez em ação pelo CSKA (Foto: Reprodução/Twitter)

O Flamengo, em nome da boa convivência com o Fluminense, seu parceiro na gestão do Maracanã, não insistiu pela contratação do atacante Pedro, após a negociação ser descartada pelo presidente Mário Bittencourt. O mandatário do Tricolor deixou claro que o jogador só sairia para o Flamengo pela multa contratual 50 milhões de euros (aproximadamente R$ 214 milhões).

O técnico Jorge Jesus, porém, solicitou à diretoria que buscasse um reforço para o comando de ataque, e segundo a imprensa uruguaia, teria indicado o nome de Abel Hernández.

Revelado no Central Español, o atleta tem no currículo o título da Copa América de 2011 pela Celeste, além de passagens pelo Penãrol, Palermo-ITA e Hull City-ING. Abel disputou a última temporada pelo CSKA Moscou, mas não se destacou e ficou livre depois de rescindir o contrato de três anos no fim de maio passado.

Com 28 anos e 1,85m, Abel seria opção para o comando de ataque ao lado do jovem Lincoln, já que para Jorge Jesus, Gabigol rende melhor atuando pelos lados do campo.

(siga nosso perfil no Instagram: @GaveaNews)

Já com relação ao meia Gerson, o jogador e seu pai embarcarão rumo à Itália neste domingo. A missão da dupla é convencer à Roma a aceitar uma proposta do Flamengo para que o ex-Fluminense retorne ao futebol brasileiro.

Leia também:

Retirado de: Gazeta Esportiva