Torcedores cobram elenco do Flamengo em hotel após derrota no Equador; assista ao vídeo

Taça da Copa Libertadores da América (Foto: Divulgação/Conmebol)

Não bastasse a derrota por 2 a 0 para o Emelec, pela Libertadores, o time do Flamengo ainda teve de conviver com protestos de torcedores que aguardavam a chegada dos rubro-negros no saguão do hotel. O registro foi feito pelos repórteres “Cahê Motta” e “Paparazzo Rubro-negro”.

O grupo gritou palavras de ordem contra alguns e reclamaram do desempenho da equipe em Guyaquil. Gabigol e Diego Alves pararam para conversar com alguns. Após o incidente, os jogadores foram jantar.

Confira os vídeos abaixo:

(Vídeo: Paparazzo Rubro-Negro)
(Vídeo: Cahê Motta)

Lesão de Diego Ribas

Diego Ribas, sofreu uma lesão em seu tornozelo, e conforme o chefe do departamento médico do Flamengo explicou, o meia do Flamengo terá que ser operado (clique aqui e confira a declaração completa do Dr Márcio Tannure).

O jogador, inclusive, chegou até o hotel, sendo empurrado em uma cadeira de rodas. Confira o registro feito pelo jornalista Cahê Motta:

Situação na Libertadores

Com a derrota por 2 a 0 e sem marcar fora de casa, o Flamengo precisará ganhar o jogo de volta por três gols de diferença para se classificar direto, ou devolver o placar de 2 a 0 para levar a disputa para os pênaltis. Vitória por dois de diferença, mas sofrendo gols não serve. O Emelec pode até perder por 1 a 0 para se classificar.

Leia também:

Adaptado de: UOL e Globo Esporte