Vídeo mostra gesto que fez Gabigol ser expulso na final da Copa Libertadores; assista

Taça da Copa Libertadores da América (Foto: Divulgação/Conmebol)

Gabigol foi expulso nos minutos finais da partida entre Flamengo e River Plate instantes depois de marcar os dois gols icônicos que deram ao Rubro-Negro a taça da Copa Libertadores 2019.

No momento, as imagens da TV mostraram o cartão vermelho aplicado para o volante Ezequiel Palacios e muitos ficaram sem saber o motivo da punição ao atacante brasileiro. Nas últimas horas, imagens mostraram o camisa 9 fazendo gestos obscenos para o banco e para a torcida adversária.

A ESPN da Argentina flagrou os gestos de Gabigol que levaram ao cartão vermelho na final do torneio continental. No fim do jogo, quando o placar já estava em 2 a 1 para os brasileiros, começou uma discussão entre os dois bancos de reservas.

Logo após marcar seu segundo gol na partida, o atacante passou muito tempo comemorando e levou um cartão amarelo por tirar a camisa, em gesto que costuma repetir quando balança as redes em jogos importantes, mostrando seu nome e número para a torcida rubro-negra.

Na sequência do jogo, com o Flamengo segurando a vitória histórica no campo de ataque, Bruno Henrique foi atingido por Palacios em lance que gerou a expulsão do argentino e deu início a uma confusão. Na outra metade do gramado, Gabigol se dirigiu ao campo de defesa para beber água e sacudiu os órgãos genitais em direção a argentinos nas arquibancadas. Depois, repetiu o gesto também na direção de alguns atletas do River Plate, revoltando os “hermanos”.

O juiz principal, envolvido na confusão do outro lado do campo, não viu. Mas os auxiliares e o quarto árbitro sinalizaram. O chileno Roberto Tobar, então, lhe deu cartão vermelho direto. Na saída de campo, o jogador foi contido pela comissão técnica.

Retirado de: UOL

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here