Flamengo aguarda Jesus para avançar por reforços e quer ouvir Cuéllar após Copa América

Vice de futebol Marcos Braz planeja conversar com o colombiano, que externou o sonho de jogar na Europa. Técnico português chega ao Rio de Janeiro no sábado

Berrío e Cuéllar durante treinamento no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

O Flamengo planeja aparar eventuais arestas para não criar qualquer tipo de rusga na relação com Cuéllar. Antes de embarcar para a Colômbia para iniciar a preparação para a Copa América, o volante externou o sonho de jogar na Europa. Sem proposta pelo colombiano, o clube quer entender o que o jogador planeja para sua carreira.

O encontro será com o vice de futebol Marcos Braz. O dirigente revelou que vai procurar Cuéllar assim que o colombiano retornar ao dia a dia do Flamengo. Braz elogiou o comportamento e a dedicação do atleta e garantiu que o camisa 8 nunca procurou ninguém no clube para comunicar sua vontade de ser negociado.

Uma negociação com o exterior não está descartada em caso de proposta, mas não está nos planos do Flamengo vender Cuéllar. No ano passado, o colombiano renovou contrato até 2022. A multa rescisória é de 70 milhões de euros, o que de certa forma deixa a direção do clube em situação confortável. Há possibilidade de um reajuste salarial. O Flamengo reconhece a evolução em campo e o carinho do torcedor e admite valorizá-lo.

Cuéllar em ação pelo Flamengo, contra o Corinthians (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Clube aguarda chegada de Jesus para avançar por reforços

Enquanto aguarda o fim da Copa América para alinhar a situação de Cuéllar, o Flamengo está em compasso de espera por reforços. Há negociações em curso, mas o clube aguarda a chegada de Jorge Jesus ao Rio de Janeiro, no sábado, para ouvir o treinador antes de avançar.

Há conversas com os zagueiros Cristian Zapata (Milan) e Jemerson (Mônaco), além de proposta por Filipe Luis. Há ainda acordo verbal por Rafinha, que aguarda o fim de seu contrato com o Bayern de Munique, no fim do mês, para assinar por dois anos com o Flamengo.

As saídas também vão depender do novo treinador. Rhodolfo, por exemplo, interessa ao Athletico-PR. O Flamengo deu aval para o clube paranaense abrir negociações com o zagueiro, mas não recebeu proposta. O contrato termina em dezembro.

Leia também:

Retirado de: Globo Esporte