Após convocar Rodrigo Caio e Gabigol, Tite esboça time titular do Brasil para os amistosos contra Senegal e Nigéria

Tite durante coletiva de imprensa do Brasil (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O Flamengo vive momento fundamental na temporada. O mês de outubro reserva uma maratona de jogos do Brasileirão e as semifinais da Libertadores. O Mais Querido briga pela liderança na competição nacional e busca a vaga na decisão continental – em um mês onde as lesões começaram a aparecer e atrapalhar.

Para piorar, o Rubro-Negro paga o preço de ter um time forte e viu jogadores serem convocados para a Seleção Brasileira – aparentemente, porém, sem necessidade.

Nos primeiros trabalhos da Canarinho, o treinador Tite esboçou o time titular que deve enfrentar Senegal e Nigéria. Na escalação, nenhuma surpresa e zero proximidade com a ideia de “renovação” pregada após a queda na Copa do Mundo de 2018.

O time titular é muito semelhante ao que disputou a Copa América – e, consequentemente, ao que jogou o Mundial da Rússia.

Zagueiro Rodrigo Caio com a bola dominada durante treinamento do Brasil (Foto: Pedro Martins/Mowa Press)

Nesta terça-feira (08 de outubro), o Brasil treinou com Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Arthur, Casemiro e Coutinho; Gabriel Jesus, Neymar e Firmino. Assim, os jogadores rubro-negros foram convocados para ficar no banco de reservas.

Situação semelhante aconteceu com Bruno Henrique. O atacante foi chamado em setembro para jogos contra Colômbia e Peru, mas começou no banco em ambos.

Na primeira partida, entrou em campo aos 80 minutos de jogo. Contra a equipe alvirrubra, Bruno entrou em campo apenas aos 84 minutos. Assim, o camisa 27 ficou de fora da partida contra o Avaí para atuar por cerca de 16 minutos.

Neymar e Gabigol durante treino do Brasil (Foto: Pedro Martins/Mowa Press)

Retirado de: Coluna do Fla

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here