Éverton Ribeiro revela pedido de Abel Braga por ‘capricho’ no ataque: “não precisava sofrer”

Everton Ribeiro em ação pelo Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

O Flamengo está nas oitavas de final da Libertadores após uma partida que terminou como não precisaria. O Rubro-Negro criou uma série de chances no primeiro tempo, teve oportunidade de abrir vantagem no placar, mas não o fez e chegou ao fim do jogo a um gol de ser eliminado.

A fragilidade técnica do Peñarol ajudou o Flamengo a passar sem tantos sustos efetivos, mas a falta de pontaria incomodou até mesmo os próprios jogadores. Éverton Ribeiro comentou o resultado em entrevista ao Globoesporte.com ao fim da partida e revelou pedido de Abel Braga para que tivessem “mais capricho”.

Leia também:

“Não precisava sofrer. A gente se cobrou, o Abel pediu para a gente ter capricho ali na frente. A gente sabe que em jogos importantes assim tem que saber matar o jogo, mas fizemos uma boa partida, conseguimos manter a calma, não sofrer o gol, e isso nos levou à classificação”, apontou o camisa 7.

Éverton lembrou da derrota do Flamengo para o Peñarol no Maracanã, que quase complicou as pretensões do clube carioca na Libertadores. Para o armador do Rubro-Negro, as histórias dos jogos foram semelhantes.

“Primeiro jogo foi assim também. A gente atacando, só que eles se defenderam bem e acabamos bobeando com um a menos. São detalhes que a gente não pode deixar passar daqui para frente.”

Primeiro colocado do grupo, o Flamengo agora espera o sorteio que será realizado na próxima segunda-feira (13). O restante dos classificados da Libertadores serão definidos nesta quinta (9).

Retirado de: Torcedores