Após especulação sobre saída de Jorge Jesus, presidente do Flamengo sobre o futuro do treinador

Jorge Jesus durante uma partida do Flamengo no Maracanã (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Na noite da última quarta-feira, o Flamengo derrotou o Internacional com dois gols de Bruno Henrique e deu um bom passo para a classificação para a semifinal da Conmebol Libertadores. No entanto, outra notícia pegou os torcedores e o presidente do Rubro-Negro de surpresa.

Segundo o jornalista Rui Costa, do canal português SIC, o treinador Jorge Jesus não ficaria no Flamengo em 2020 por conta da violência na cidade do Rio de Janeiro.

Leia também:

Em entrevista após a partida para o repórter Fox Ricardo Lay, o presidente do clube da Gávea, Rodolfo Landim falou da surpresa com a notícia. Para ele, o técnico se mostra muito positivo e contente com o apoio que vem recebendo no Brasil.

“Isso para mim grande novidade, temos contato constante e não tenho notícia nenhuma dele. Pelo contrário, tudo que ele fala da torcida, do Flamengo, do apoio no Brasil são positivos. É interessante o trabalho que ele tem feito. Ano que vem com esse elenco se conhecendo melhor podemos fazer campanhas ainda melhores”, disse o presidente.

A partida de volta entre Flamengo e Internacional será na próxima quarta-feira (28), às 21h30, no Beira-Rio. O Rubro-Negro tem a vantagem do empate e pode perder por até um gol de diferença que se classifica para a semifinal do torneio continental.

Retirado de: Fox Sports