Imprensa analisa vitória do líder Flamengo sobre o Avaí; veja as opiniões

Taça do Campeonato Brasileiro (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Em partida realizada no estádio do Mané Garrincha, na cidade de Brasília, o time do Flamengo, comandado pelo técnico português Jorge Jesus, bateu a equipe do Avaí, treinada por Alberto Valentim, pelo placar de 3×0, na tarde do último sábado (07 de setembro), pela décima oitava rodada do Brasileirão Série A.

Com o conquista de mais três pontos, o Mais Querido do Brasil alcançou a marca de 39 pontos e continua na liderança da competição nacional.

Leia também:

Confira abaixo a análise da imprensa:

Marcelo Barreto (SporTV): impressionante como o Flamengo não tem diminuído o ritmo. Gerson mandou no jogo, uma atuação impressionante.

Raphael Rezende (SporTV): Avaí produziu até mais do que esperado, mas é uma equipe com Valentim que costuma jogar, mas acaba não conseguindo proteger a própria área. Aí entra uma outra questão: o mando invertido, como foi contra CSA e Vasco. Eu acho a equipe do Flamengo neste momento para fazer resultados como esses, mas não importa, não é essa discussão. Isso é ruim para o campeonato.

Gian Oddi (ESPN Brasil): é muito difícil, raro, no futebol brasileiro ganhar e convencer com frequência. Mas, assim, o Flamengo ganha com tranquilidade, ele passeia. O Flamengo com muita facilidade desde o começo do jogo.

Mauro Cezar Pereira (ESPN Brasil): mais uma vitória do Flamengo por mais de três gols, como foi contra o Ceará, Vasco, Palmeiras e Avaí. Um ponto que vale a pena chamar atenção, além das ausências importantes, como Bruno Henrique, Arrascaeta e Rodrigo Caio, os movimentos do time em campo e as opções do técnico português Jorge Jesus. Na segunda etapa, o Flamengo vencia por 3 x 0, o jogo estava totalmente controlado, aliás, o jogo estava controlado desde o momento que a bola rolou, o Avaí até criou chances de gol, o que evidencia um certo relaxamento e algumas deficiências defensivas que o time ainda tem, mas a proposta foge completamente do padrão adotado pela maioria dos times brasileiros. O Flamengo continuou marcando pressão no campo adversário.

Retirado de: Torcedores