Entenda como o Flamengo prepara Everton Ribeiro para decisão contra o São Paulo

14
Everton Ribeiro em ação pelo Brasil (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O processo de recuperação de jogadores no futebol de alto rendimento ainda não desenvolveu mecanismos capazes de colocar em plenas condições os atletas com um intervalo de 24 horas entre os jogos. Portanto, a possível participação de Éverton Ribeiro pelo Flamengo no jogo desta quarta-feira, contra o São Paulo, pela Copa do Brasil, será um sacrifício, independentemente do número de minutos em campo.

Membros da comissão técnica e do estafe do jogador acreditam que ele entre no segundo tempo. Mas Ribeiro deixou claro desde a terça-feira que queria ajudar o Flamengo — e iniciou as etapas para tal.

Logo após atuar os 90 minutos na vitória da seleção brasileira por 2 a 0 contra o Uruguai, em Montevidéu, o meia começou os procedimentos que lhe permitiriam atuar ao menos parcialmente. O principal deles é o uso de botas de compressão, que ajudam na recuperação muscular após os jogos.

O problema é que Ribeiro já chegou à seleção brasileira muito desgastado fisicamente pela maratona no Flamengo. Por isso, o técnico Rogério Ceni indicou que não contava com o jogador para a decisão desta noite, já de olho no compromisso pelas oitavas de final da Libertadores, a partir da próxima terça-feira, contra o Racing.

Mesmo assim, Ribeiro chegou a São Paulo empolgado com a atuação pelo Brasil. Com uso insistente da bota desde a noite anterior e no voo desde Montevidéu, indicou a pessoas próximas que quer jogar contra o São Paulo. E postou: “Recuperando para mais uma decisão”.

Já em São Paulo, manteve o uso da bota e acrescentou outros métodos de recuperação. Fez massagem, ativação com liberação da musculatura e alongamentos. Antes do almoço, já estava integrado ao grupo.

Durante as pausas no cronograma pré-jogo do Flamengo, Everton vai realizar novos trabalho de ativação, uso de botas de compressão e treinos específicos de fisioterapia para acelerar a sua recuperação.

O jogador é acompanhado pelo fisioterapeuta Mário Peixoto, sob supervisão do médico Márcio Tanure. A decisão final sobre como aproveitá-lo será tomada apenas momentos antes do duelo no Morumbi.

Na partida de ida, o Flamengo foi derrotado por 2 a 1 no Maracanã com dois gols de Brenner. A equipe rubro-negra entra em campo com uma série de desfalques de peso, como Gabigol, Thiago Maia, Pedro, Rodrigo Caio e Filipe Luís.

Retirado de: O Globo

14 COMENTÁRIOS

  1. TENHO CERTEZA QUE, SE PERGUNTAREM AO EVERTON RIBEIRO,ELE É CAPAZ DE DIZER QUE QUER JOGAR DO INÍCIO.
    JÁ MOSTROU QUE É UM GRANDE PROFISSIONAL.

  2. Quando eu era adolescente, jogava bola na rua de casa das 14 às 18 horas, os pés cheios de calos por conta do asfalto quente, e isso durante toda a semana, e hoje os caras ganham milhões, comem do bom e do melhor, médicos, nutricionistas, fisioterapeutas… 24 horas, e tem essa frescura toda de não poder jogar dois dias seguidos.

  3. Mito Everton Ribeiro, Lincon muleque Hugo muleque sem noção da onde eles estão, isso aqui não é Vasco isso é Flamengo porrrrrrrrr….

  4. Acho que ER deve descansar do brasileirão ate o fim dos mata-mata.
    Caso o Fla saia de algum mata-mata, aí sim, o foco deve ser os dois que restarem.
    3 campeonatos, não dá.

  5. Everton Ribeiro muito nutela,olha a a diferença pro jogador raiz como Lincoln e o neneca passaram a noite com a mulherada, como os vdd craques igual romario, adriano e fenômeno. Não se fazem mais jogadores como antigamente.

  6. Everton Ribeiro, esse honra a camisa do Flamengo.
    Um verdadeiro atleta profissional que deveria servir de exemplo para outros jogadores do elenco.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here