Apesar do acordo com o Mercado Livre, que foi anunciado nesta terça-feira (27 de abril), a Amazon ainda possui o interesse em patrocinar o Flamengo. De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Mauro Cezar Pereira o contrato com a empresa argentina não impede um vínculo com a companhia americana.

Apesar delas serem concorrentes no e-commerce, a Amazon possuí diversas subsidiárias em áreas distintas, como por exemplo a Amazon Prime Vídeo (serviço de streaming que concorre com a NetFlix, Globo Play e etc).

Como o Mercado Livre irá estampar a sua logomarca na parte superior das costas, existe uma possibilidade para que a Amazon assuma o espaço das mangas. Atualmente, como o Flamengo não tem nenhum patrocinador para o local, o símbolo da FlaTV está sendo exibido.

Vale relembrar que na final da Supercopa do Brasil o Flamengo acertou um patrocínio pontual com a Amazon. E após o jogo, o head of marketing da Amazon, João Mesquita, exaltou a parceria nas redes sociais postando uma foto da camisa do Rubro-Negro com os dizeres: “Sky is the limit (o céu é o limite)”.

20 COMENTÁRIOS

  1. Sou flamenguista, mas acho que a repercussão em torno do Flamengo pela Amazon, também é positiva pro clube, é a livre concorrência que favorece o acordo pra um bom contrato! Lembrando que ML é um concorrente direto da Amazon, e sequer foi ventilado na mídia essa parceria!
    Da- lhe Mengão! SRN!

  2. A Amazon é muito inteligente, a qto tempo estamos falando dela e os blogueiros tb, propaganda de graça. Parem de fazer propaganda de graça da Amazon, vamos falar do mercado livre.

    • Verdade ela fica nesse de entra não entra para se destacar na mídia de ganhar propaganda de graça. Se ela realmente quisesse entrar já tava no flamengo. Tudo bem que ela fez aquele patrocínio pontual, mas para ser fixa até agora ela não quis. Já o mercado livre eu chegou entrou e não ficou de papo furado. Se ela quiser entrar que entre e não fique nos enganando.

  3. Não interessa , gente , negócio é negócio, a Amazon chegou a onde chegou , assim como o FLAMENGO tbm chegou, negociando , e os caras querem o melhor negócio, temos um bom produto , entregamos tudo e algo mais que esperam como retorno do investimento, então deixa os caras , dinheiro é dinheiro, ta entrando ?? Ta bom , qdo eles sentirem q não tem maracutaia , roubo ou trapaça, viram com peso , aqui pra nós gente, o Flamengo tem credibilidade no mercado , mas , o Brasil não né….qdo passar essa pandemia, tudo vai melhorar , volta do público, receita semanal , melhores contratos de imagem, mercado novo nas redes sociais …..bons e novos horizonte se veem despontando a frente…..

  4. Rapaz , ta na hora de fazer um senso de torcedores , eu ouço 40 milhões de torcedores faz anos isso, mas acho que já batemos esse número faz tempo….tenho certeza que superamos em muito esse número….ai , começo aqui uma campanha para levantar esses números…. Paparazzo, Flazoeiro, Gustavo Henrique, Deco, Nação RB, e tantos outros e vcs Gávea news…aposto que passamos de 50 heim!

  5. Amazon por ser uma empresa do momento, não quer gastar muito pra divulgar a imagem que todos veem toda hra, por tanto o flamengo não deve se rebaixar pra isso

  6. A Amazon, me parece querer um patrocínio de graça.
    Teve a opção de patrocínio master, perdeu para o BRB.
    Costas, perdeu para o ml.
    Só falta o Netflix comprar o espaço das mangas e outra o calção.

  7. Q propaganda mais mentirosa onde q está escrito q a Amazon está interessado??? Ou q eles estão mantendo conversas?

      • Antes de recebermos o apelido de time do cheirinho, o nosso Mengão já era conhecido como o time que espelhava notícias falsas, hoje os fake news.
        Hoje, apesar de tantas especulações quanto contratações de jogadores e patrocinadores serem constantes, essa diretoria trabalha com o bico calado e só comenta algo quendo está sacramentado, ou bem avançado.
        Parabéns para esses caras.

    • Verdade, Bruno. A “notícia” é baseada apenas numa SUPOSIÇÃO do Mauro Cezar, de que não haveria conflito de interesses entre a marca Prime Video (da Amazon) e a marca Mercado Livre. Eu vi o video dele e ele apenas diz que seria possível EM TESE ter as duas patrocinadoras, mas ele ainda faz uma ressalva: é possível se não houver clausulas contratuais que impeçam isso.

  8. Amazon é a maior empresa do mundo, eles poderiam dar um pouco mais e pegar um local mais nobre como as costas, mas, demoraram e não cobriram os valores até onde eu sei e o prazo de contrato do ML era bem melhor. Amazon deu uma moscada nesse ponto, um clube com mais de 40 milhões de torcedores e excelente visibilidade na Am. Latina e principalmente no Br. com mais de 200 milhões de habitantes e concorrentes como globo, netflix e outros.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here