Jornalista crava substituto de Arrascaeta no Flamengo

0
Arrascaeta marca gol pelo Flamengo em jogo contra o América-MG (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Com um time formado por reservas e alguns garotos da base, o Flamengo bateu o Atlético-GO por 4 a 1, no estádio do Maracanã, Rio de Janeiro, pelo Brasileirão. Em campo, muitos nomes se destacaram com a camisa rubro-negra. Entre eles Victor Hugo, autor de um dos gols da goleada.

A atuação do jovem encantou o jornalista Renato Maurício Prado. Na sua visão, Victor Hugo pode futuramente se transformar numa espécie de substituto de Arrascaeta.

— Esse menino Victor Hugo é uma joia. Nós flamenguistas sempre pensamos quem pode ser o substituto do Arrascaeta, né? Esse moleque se candidatou fortemente para ser ele o reserva do Arrascaeta. Pela primeira vez ele jogou numa posição próxima daquela que joga o Arrascaeta. Eu já vi ele entrar com o Paulo Sousa pelo lado direito, com o Dorival como segundo volante, e hoje (ontem) ele teve muita liberdade para chegar ao ataque. Esse menino jogou muito, muito, disse Renato.

No Brasileirão, o Flamengo alcança a quarta vitória consecutiva. Neste momento, ocupa momentaneamente a quarta posição com 33 pontos.


Dorival Junior elogia Victor Hugo e defende Gabigol

— Comprova a eficiência do trabalho da base do clube. Um jogador desse porte, desse nível, mas temos que ter muito cuidado. Ele fez uma grande apresentação, em altíssimo nível, em todos aspectos. Porque as pessoas às vezes olham muito o gol, o passe, de repente a assistência. A jogada individual, a finta, mas a função que ele cumpre, que vem executando e desenvolvendo, isso tem peso muito grande – disse Dorival, técnico do Flamengo.

— Paralelo a isso falo sobre o Gabriel. As pessoas estão cobrando gols, gols… Ele não é só definidor, não é só letal dentro da área. Gabriel também tem funções. As funções que ele vêm cumprindo preenche consideravelmente tudo que queremos e desejamos. Com isso é natural que deixe o Pedro em condições de definição. Para uma equipe se encontrar precisa de equilíbrio. Ele daqui a pouco vai ser fatal, vai ser decisivo, vai ser o cara da partida. Porque ele está buscando, se dedicando, se entregando. E isso tem acontecido. Entra Victor Hugo, Matheus França, Lázaro, Vitinho procurando o gol a todo instante. É disso que precisamos e queremos que continue acontecendo. Aquele que espera a oportunidade precisa fazer o que precisa ser feito, que se entregue, se dedique, que se busque a melhor condição. Hoje, Victor fez uma partida brilhante em todos sentidos. Não só plasticamente, mas taticamente foi muito importante. Ele preencheu função que foi fundamental nas definições. Ele e o Lázaro foram primordiais para abrir espaço e foram decisivos na partida.

A noite mágica no Maracanã contou também com o primeiro gol de Vidal pelo Flamengo. Em cobrança de pênalti, o chileno bateu forte, no canto para vencer o goleiro adversário.

— Impressionante. Disse quando cheguei que era um sonho entrar em campo com a camisa do Flamengo, mas ainda fazer um gol, sentir um carinho, sentir que todo estádio grita meu nome. É um sonho o que estou vivendo. Mas é seguir ajudando a equipe a ganhar coisas, seguir devolvendo o carinho para a torcida. Estou muito feliz por tudo – disse Vidal.

Retirado de: Torcedores