Gabigol reprova atitude da torcida do Flamengo

0
Gabigol em viagem do Flamengo para enfrentar o Corinthians pela Libertadores (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

O Flamengo é o quinto colocado do Campeonato Brasileiro da Série A com 33 pontos, a nove do líder. Desde a chegada de Dorival Júnior, o Rubro-Negro vem de quatro vitórias consecutivas no Brasileirão. Ou seja, somando 12 pontos dos 15 disputados. A evolução no desempenho é em decorrência do investimento que a diretoria vem realizando na busca de reforços no mercado.

Um dos destaques do elenco atual é o atacante Gabigol, que marcou um dos gols na vitória por 2 a 0 diante do Corinthians disputada na última terça-feira (2), em partida de ida válida pela Copa Libertadores, Neo Química Arena. Diante do resultado conquistado fora de casa, a equipe Rubro-Negra terá maior tranquilidade e o apoio da torcida para buscar a vaga para a próxima fase da competição, marcado para a próxima terça-feira (9), no Maracanã.

Durante entrevista ao canal ‘Fui Clear???’, divulgada nesta quarta-feira (3), Gabigol revelou que não curte ser vaiado e nem ouvir vaias direcionadas a seus companheiros no estádio. Segundo ele, isso não ajuda em nada e é até um pouco de ingratidão de quem faz isso, diante dos títulos conquistados por parte do elenco atual.

“Daqui a pouco, como falei. Problema 0. Vai acontecer de um dia eu sair… agora os caras vão aposentar, vão chegar caras novos, mas o que eles fizeram ficam para sempre no clube. Aí você vai para o estádio vaiar o cara, pô. Eu acho que é ingratidão. (…) É por isso que eu acho que no Brasil as pessoas dão valor quando param ou quando vão embora. (…) O cara tá lá correndo por você. (…) Eu não consigo entender essas coisas. Eu não consigo entender uma torcida que vai para o estádio vaiar o time. Sendo que se eles ajudarem a gente, a gente vai ganhar. (…) A vaia não ajuda em nada (…)”, destacou.


Retirado de: Bola Vip