Jornalista afirma que Gabigol não foi convocado por Tite devido a situação extracampo

Gabigol comemorando gol marcado pela Seleção Brasileira na Copa América (Foto: Reprodução/CBF)

A ausência de Gabigol na lista de convocados pela Seleção Brasileira para a Copa do Mundo gerou uma série de questionamentos às escolhas de Tite. Desde então, os números do jogador nos últimos anos tem sido expostos e deixam os torcedores ainda mais indignados com a situação.

Para alguns, a opção por não levar o camisa 9 do Fla se deve a um suposto favoritismo do técnico por outros jogadores. Mas de acordo com a colunista Erlan Bastos, há outra explicação para Gabigol não estar entre os 26 relacionados.

Leia também:

Segundo ela, a causa da ausência de Gabi seria uma questão extra-campo. Em uma das idas e vindas com Rafaella, irmã de Neymar, o atacante do Flamengo teria se desentendido com o atleta do PSG.

Vale lembrar que os atletas tinham uma relação bastante próxima. Gabigol iniciou seu relacionamento com Rafaella em 2015, e antes disso os atacantes já eram colegas desde as categorias de base do Santos.

Ainda com o ocorrido em mente, Neymar teria sugerido ao técnico da Seleção que não convocasse Gabigol. De acordo com a colunista, o atacante do PSG chegou a chamar Gabi de “moleque” nos bastidores.