Veja detalhes do estádio do Flamengo no Ninho do Urubu

Ninho do Urubu (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Enquanto os jogadores aproveitam as férias após o fim da temporada, o Flamengo trabalha para propor mudanças para o clube nos próximos anos. Nesta semana, o jornalista Fred Gomes, do GE, revelou que o Ninho do Urubu receberá novidades em breve.

O Rubro-Negro irá construir um miniestádio no Centro de Treinamento de grama sintética com capacidade para duas mil pessoas. O gramado será entregue no final de 2023, já a arquibancada deve ficar pronta no ano seguinte.

Leia também:

A ideia é que sete campos sejam entregues até o final do ano que vem e os jogos de todas as categorias, assim como o time feminino, possam mandar jogos no miniestádio.

Para fazer o projeto com dimensões oficiais, incluindo arquibancada, três vestiários e estrutura para a arbitragem, o clube terá que mexer na estrutura atual. A diretoria rubro-negra está negociando com a Prefeitura as mudanças necessárias para que o miniestádio seja construído.

Veja o projeto do miniestádio:

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O Flamengo também planeja melhorias na estrutura direcionada às categorias de base. O CT terá uma nova academia em janeiro, com pista externa para medir velocidade e outros movimentos, piscina e um ampliado laboratório de fisiologia.

Além das novidades para as equipes, o clube também fará mudanças na estética do Ninho do Urubu para tornar a experiência dos visitantes mais interessante.

O muro dos tijolinhos, inaugurado em 2012, será repaginado e a entrada do CT também será modernizada, com murais exibindo rostos dos atletas que são ícones do clube e até mesmo uma imagem da torcida.

Como está se tornando cada vez mais internacional, o Flamengo também irá atualizar as placas que indicam as estruturas no interior do Ninho do Urubu e utilizará uma versão bilíngue (português e inglês).