Sucesso do Brasil na Copa do Mundo 2022 é vantagem para Flamengo e Palmeiras; entenda

Pedro e Everton Ribeiro em treino da Seleção Brasileira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O Brasil está nas quartas de final da Copa do Mundo 2022. E quem está torcendo bastante para a seleção ir o mais longe possível, são Palmeiras e Flamengo. Os dois são os únicos clubes brasileiros com representantes na seleção. Pedro e Everton Ribeiro pelo Flamengo, e Weverton pelo Palmeiras.

Então, quanto mais o Brasil avançar, mais esses clubes irão receber. Isso porque a FIFA paga ao clube, 10 mil dólares (R$ 52 mil na cotação atual) por cada dia que o jogador daquele clube ficar à disposição da seleção, contando desde o dia da apresentação.

Leia também:

Essa prática é adotada pela FIFA desde a Copa de 2010, na África do Sul, como uma forma de compensar os clubes que pagam o salário do jogador.

Nesse ano, os dias estão sendo contatos desde 14 de novembro, quando iniciou a preparação da seleção brasileira. Portanto, se o Brasil disputar a final da Copa do Mundo, no dia 18 de dezembro, serão mais de 30 diárias.

Isso daria ao Palmeiras cerca de R$ 1,76 milhão e ao Flamengo cerca de R$ 3,5 milhões, já que o Mengão recebe por dois jogadores.

Então, a cada fase que o Brasil avançar, da cerca de quatro dias a mais, ou seja, cerca de R$ 200 mil a mais para o Verdão e R$ 400 mil a mais para o Rubro-Negro.

Retirado de: Torcedores