Analista detalha problemas em jogador desejado pelo Flamengo

Domingos Duarte com a camisa do Getafe - Foto: Divulgação / Getafe

O Flamengo, sempre ativo no mercado de transferências, está próximo de reforçar sua defesa com a contratação do zagueiro português Domingos Duarte, do Getafe. As negociações estão avançadas, e a diretoria do clube carioca não enfrentou resistências para definir o valor do jogador, que gira em torno de 2 milhões de euros (aproximadamente R$ 10 milhões)​​​​.

“Uma demora para ler uma bola descoberta. Ele não tem uma boa leitura. É um defeito dos zagueiros do Flamengo também. Pecam nessa demora em visualizar a bola descoberta. O Domingos demora para ler o movimento do adversário. Quando o adversário está no posicionamento de lançar em profundidade ele já tem que estar perfilado de lado. Ele acaba demorando para ler e tomando bola nas costas. Seria mais um a apresentar esse problema caso fosse contratado,” diz o analista do canal Falando de Tática, destacando um dos pontos fracos de Duarte.

Leia também:

Apesar de um bom mapeamento das jogadas, Domingos Duarte mostra deficiências significativas. “Mesmo mapeando, deixa a bola passar. Às vezes não mapeia, demora a ler a jogada. E é um zagueiro também lento,” acrescenta o analista​​. Essas características podem ser preocupantes, principalmente em um time como o Flamengo, que enfrenta adversários de alto nível.

Domingos Duarte possui, contudo, um ponto positivo em sua condução de bola, embora não seja considerado um diferencial. “Tem capacidade de conduzir. De fato é algo que chama atenção. Mas não é um indicador muito raro. Jogando na La Liga, tem obrigação de apresentar isso. Mas de fato, vai bem nessa situação. Busca a bola longa, ligação direta,” relata o canal​​.

As estatísticas de Domingos Duarte no Getafe não são muito animadoras. Ele tem dificuldades em interceptações, desarmes e cortes, além de uma baixa porcentagem de passes certos. “Em interceptações, é só o 10º. Só 0,5 por jogo. Prefere correr para trás e defender profundidade, até entregando bola para a lateral. Me chama atenção ele interceptar pouco. Nos desarmes, ele nem aparece no Top 10. Em cortes, é o quarto. É um zagueiro rebatedor. Não tem encaixe com o que o Flamengo quer hoje. Só 79% de passes certos. Para a posição, é baixo. Os zagueiros do Flamengo estão próximos dos 90%,” explica o analista​​.

Além disso, a lentidão nas leituras de jogo de Duarte frequentemente resulta em faltas e cartões vermelhos. “É lento, demora a fazer a leitura e isso gera cartões vermelhos. Tem dois vermelhos já em meia temporada. Em janeiro, ele foi para o banco depois de dois erros contra o Atlético de Madrid,” destaca o analista, ressaltando os problemas disciplinares do jogador​​.

Diante dessas análises, a contratação de Domingos Duarte pelo Flamengo levanta questionamentos. A experiência do jogador na La Liga e a necessidade de reforços defensivos no Flamengo são fatores que pesam a favor da contratação. No entanto, as críticas técnicas e táticas destacadas pelo analista sugerem que o clube carioca pode precisar reconsiderar essa opção.