Popó revela porque não entrou para o UFC e vídeo bate 2 milhões de visualizações

Acelino Popó, ex-lutador de boxe (Foto: Reprodução/TV Bahia)

Acelino “Popó” Freitas é um nome reverenciado no mundo do boxe brasileiro e internacional. Sua carreira iniciou-se em 1995, e rapidamente ele se destacou por sua força de nocaute e técnica agressiva. Em 1998, conquistou o título mundial superpena (junior leve) da Organização Mundial de Boxe (WBO), ao derrotar o então campeão, o russo Anatoly Alexandrov. Essa vitória solidificou seu lugar no cenário do boxe mundial, e ao longo dos anos, Popó defendeu com sucesso seu título diversas vezes, demonstrando sua habilidade e determinação.

Em 2002, Popó subiu de categoria e conquistou o título leve da WBO ao vencer o cubano Joel Casamayor, em um dos combates mais memoráveis de sua carreira. Seu estilo de luta, caracterizado pela velocidade e poder de nocaute, fez dele um dos pugilistas mais temidos e respeitados de sua época. Sua trajetória no esporte foi marcada por enfrentamentos contra adversários de alto nível, sempre com dedicação e habilidade ímpares.

Leia também:

Apesar de sua aposentadoria oficial do boxe profissional em 2007, Popó continuou atraindo os holofotes do mundo esportivo com suas participações esporádicas no ringue. Nos últimos anos, ele tem sido visto em lutas de exibição contra celebridades, um fenômeno que mistura entretenimento com esporte, atraindo a atenção tanto dos fãs de boxe quanto do público em geral. Esse novo capítulo em sua carreira tem mantido vivo o legado de Popó, reafirmando sua influência no mundo do esporte.

Acelino Popó, ex-lutador de boxe (Foto: Reprodução/Instagram)

Um dos eventos mais aguardados é a luta entre Popó Freitas e Kleber Bambam, marcada para o dia 24 de fevereiro de 2024, durante o evento Fight Music Show 4, em São Paulo. Esse embate promete ser um encontro fascinante entre o ex-campeão mundial de boxe e Kleber Bambam, conhecido por sua vitória na primeira edição do Big Brother Brasil e posterior carreira como fisiculturista. A expectativa em torno desse confronto é alta, com muitos torcedores ansiosos para ver o desempenho de ambos os competidores.

Recentemente, Popó atraiu ainda mais atenção ao participar de uma luta de exibição contra Whindersson Nunes, que terminou em empate. Embora Popó tenha demonstrado superioridade ao longo dos oito rounds, Whindersson mostrou resistência e coragem, em uma performance que surpreendeu muitos espectadores. A habilidade de Popó no ringue continua a impressionar, mesmo em eventos que fogem do cenário tradicional do boxe.

No entanto, mesmo com tanto sucesso no boxe, uma pergunta que muitos se fazem é por que Popó nunca se aventurou no UFC. Recentemente, ele compartilhou sua resposta em um podcast, chamando a atenção de muitos. A explicação de Popó sobre essa questão levanta debates e reflexões sobre os caminhos que os atletas escolhem em suas carreiras.

Confira: