Atitude do Flamengo pode dobrar a pena de Gabigol

Gabigol comemora gol marcado pelo Flamengo contra o Fluminense no Maracanã (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Após um longo julgamento, a Corte Arbitral do Esporte (CAS) decidiu, por 5 votos a 4, pela condenação de Gabigol a dois anos de suspensão do futebol. O jogador foi denunciado por conta de uma suposta tentativa de fraude em exame antidoping.

O Flamengo logo mostrou apoio ao jogador e garantiu que dará suporte na apresentação de recurso à decisão judicial. É importante destacar, no entanto, que a tentativa de anulação pode gerar uma situação ainda pior para Gabi.

Leia também:

Para recorrer da decisão aqui no Brasil, o atacante vai ter que acionar a FIFA na Corte Arbitral do Esporte, na Suíça. A movimentação pode ocorrer de duas formas, uma que ajudaria o atleta ou outra que tornaria a punição ainda pior.

Por um lado, existe a possibilidade de que a decisão seja anulada, o que seria favorável para Gabigol, pois significaria que a punição inicial seria revogada. Por outro lado, há o risco de que a pena seja aumentada, resultando na aplicação da penalidade máxima.

Pronunciamento do Flamengo

Logo após a divulgação do resultado do julgamento de Gabigol, o Flamengo se manifestou publicamente e informou que irá auxiliar o jogador e seus representantes na tentativa pela absolvição no caso.

“O Clube de Regatas do Flamengo, tomando conhecimento do resultado do julgamento do seu atleta Gabriel Barbosa, no sentido de aplicação de pena de suspensão de 2 anos, até abril de 2025, por 5 votos pela condenação e 4 pela absolvição, vem a público dizer que recebeu com surpresa a referida decisão e que auxiliará o atleta na apresentação de recurso à Corte Arbitral do Esporte (CAS), uma vez que entende que não houve qualquer tipo de fraude, nem mesmo tentativa, a justificar a punição aplicada”.

O clube recebeu a notícia da condenação de Gabigol com surpresa. Internamente, era esperado que o atleta fosse absolvido, uma vez que o teste antidoping teve resultado negativo.