Contrato com patrocinador do Flamengo pode barrar a SAF

Escudo do Flamengo (Foto: Reprodução)

O Banco de Brasília (BRB) e o Flamengo estão prestes a votar um novo contrato de patrocínio, que inclui uma cláusula peculiar. Esta cláusula permite ao BRB rescindir o acordo sem pagar multa caso o Flamengo crie uma Sociedade Anônima do Futebol (SAF) nos próximos dois anos. Essa medida visa proteger os interesses do banco diante de possíveis mudanças estruturais no clube carioca.

O acordo proposto é dividido em três partes distintas, com diferentes durações e valores. Um dos contratos destaca-se pelo patrocínio para a exposição da marca nos ombros da camisa do Flamengo, rendendo R$ 25 milhões anuais até março de 2026. No entanto, a possível transformação do Flamengo em SAF não afetaria os outros dois contratos, um para uso da marca do clube pelo BRB e outro para criação do banco Nação BRB Fla.

Leia também:

Para que os três contratos entrem em vigor, é necessário o aval do Conselho Deliberativo do Flamengo. Esta aprovação é crucial para garantir a continuidade da parceria entre o BRB e o clube carioca, que têm uma relação de longo prazo.

Logomarca do Banco BRB e escudo do Flamengo (Foto: Editoria de Arte/GaveaNews.com)

Em relação ao posicionamento do presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, ele garantiu que não irá propor a criação de uma SAF durante seu mandato, que se encerra em dezembro. No entanto, Landim ressaltou a importância desse modelo para financiar a construção de um estádio no futuro, embora tenha afirmado que essa decisão só deve ser tomada após a aquisição de um terreno para a obra.

Quando será o próximo jogo do Flamengo?

Em abril, o Flamengo enfrentará uma agenda repleta de desafios, competindo em três diferentes torneios. Sob o comando do técnico Tite, a equipe terá partidas pelo Campeonato Carioca, Copa Libertadores e Campeonato Brasileiro.

Confira abaixo a agenda do Flamengo no mês de abril: