Cria do Fla indo para rival do Rio, diretoria encaminha reforço e Adriano Imperador ganha destaque: veja as últimas notícias do Flamengo

Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Marcos Braz, vice de futebol do clube (Foto: Reprodução/ Goal)
Banner Stake

Nas últimas horas, o foco das notícias sobre o Flamengo se concentra nos bastidores do clube, com destaques como a cria do Flamengo indo para rival do Rio e Adriano Imperador ganhando destaque.

Por conta deste contexto, leia abaixo um resumo preparado pela equipe do portal Gávea News para lhe manter muito bem informado!

Diretoria encaminha reforço

Marcos Antônio em ação pela Lazio (Foto: Reprodução/Instagram)

O Flamengo está em negociações avançadas para contratar o volante Marcos Antônio, atualmente na Lazio. O clube carioca, o jogador e o clube italiano estão próximos de um acordo, considerando a finalização apenas uma questão de tempo. A diretoria do Flamengo já chegou a um entendimento com o atleta e agora concentra seus esforços nas tratativas com a Lazio.

Marcos Antônio, de 24 anos, expressou seu desejo de jogar pelo Flamengo e está ciente dos valores salariais oferecidos. O Flamengo propôs inicialmente um empréstimo gratuito, mas a Lazio recusou. Assim, o Flamengo pagará um valor pelo empréstimo, que será descontado do preço de compra caso a cláusula de compra seja acionada. O valor da compra definitiva está estimado entre 5 e 6 milhões de euros, além de bônus. A Lazio quer uma cláusula de compra obrigatória caso o jogador participe de 50% dos jogos durante o empréstimo, o que o Flamengo ainda está avaliando.

O jogador só poderá atuar pelo Flamengo a partir de 10 de julho, permitindo mais tempo para ajustar os detalhes contratuais. Essa janela adicional é vista como uma vantagem para finalizar a negociação com calma e precisão.

Cria do Fla indo para rival do Rio

O Fluminense está em busca de reforçar sua defesa e negocia a contratação do zagueiro Samir, ex-Flamengo, atualmente no Tigres, do México. A negociação é difícil, e o clube carioca tenta inicialmente um empréstimo para o jogador de 29 anos, que pode substituir Marlon e fortalecer a defesa, a segunda pior do Brasileirão. Samir foi revelado pelo Flamengo, passou pelas divisões de base do Fluminense e do Audax Rio, e jogou na Udinese, Verona e Watford antes de chegar ao México em 2022.

Fred, diretor de planejamento do Fluminense, lidera as negociações com o Tigres e tem a aprovação do departamento de futebol do clube. Fred, admirador de Samir desde os tempos de atleta, enfrenta obstáculos devido ao alto valor de transferência do jogador, optando por um empréstimo como primeira tentativa. O interesse em Samir vem desde a gestão de Fernando Diniz, que havia aprovado seu nome e expressado a necessidade de um zagueiro canhoto no início da temporada, sugerindo inicialmente Yerry Mina, cujo custo é mais elevado.

A vontade de Samir de retornar ao Brasil após nove anos no futebol internacional pode favorecer a negociação, trazendo um ponto positivo para o Fluminense, que busca um reforço experiente e familiarizado com o futebol brasileiro. O clube espera que as negociações avancem com a proximidade da abertura da janela de transferências em 10 de julho.

Adriano Imperador ganha destaque

Adriano Imperador e Petkovic em ação pelo Flamengo (Foto: Divulgação/ND)

Adriano Imperador, um dos grandes nomes formados nas categorias de base do Flamengo, deixou uma marca significativa na história do clube. Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo, relembrou momentos ao lado do ex-jogador em suas redes sociais, destacando a importância de Adriano no Mengão. Revelado pelo Flamengo nos anos 2000, Adriano teve uma carreira vitoriosa tanto no Brasil quanto no exterior, sendo frequentemente convocado para a Seleção Brasileira.

No Flamengo, Adriano se destacou como um dos principais artilheiros, o que o levou a jogar em clubes renomados da Europa, como Inter de Milão, Parma e Roma. Seu desempenho impressionante no Mais Querido foi um trampolim para sua carreira internacional, onde continuou a brilhar. O auge de sua carreira foi na Inter de Milão, onde conquistou a Serie A italiana e a Liga dos Campeões da UEFA.

Além de seu sucesso nos clubes, Adriano também teve uma carreira notável na Seleção Brasileira, participando de duas Copas do Mundo (2006 e 2010) e vencendo a Copa América em 2004. Sua trajetória no futebol é lembrada com orgulho pelos torcedores do Flamengo, que celebram suas conquistas e a influência duradoura que ele teve no clube e no futebol brasileiro.