FERJ confirma alteração no local aonde a primeira partida da final do Campeonato Carioca será disputada

Presidente da FERJ, Rubens Lopes durante coletiva de imprensa (Foto: Úrsula Nery)
Banner Stake

O Vasco, mandante do primeiro jogo da final contra o Flamengo, sinalizou na última segunda-feira (08 de abril) a intenção de realizar a partida no Engenhão, estádio administrado pelo Botafogo.

Nesta terça-feira (09 de abril), após a reunião entre os clubes, o presidente botafoguense, Nelson Mufarrej, confirmou o acordo entre as partes envolvidas e garantiu que o pedido Cruzmaltino foi atendido.

– O jogo será realizado no Nilton Santos, no domingo (14 de abril). Estou aguardando apenas confirmações de uma forma geral – afirmou.

Posteriormente a isso, a própria FERJ se manifestou, através das redes sociais, e confirmou a alteração.

A medida é uma tentativa de reação aos desdobramentos da situação do Maracanã – na última semana, o governador do Rio, Wilson Witzel, anunciou que Flamengo e Fluminense vão administrar o estádio pelos próximos seis meses. A diretoria cruzmaltina já demonstrou insatisfação com a decisão. De acordo com o regulamento da FERJ, quatro estádios estariam à disposição para clássicos: Maracanã, Engenhão, São Januário e Raulino de Oliveira. A casa do Vasco, porém, não permite divisão meio a meio das torcidas, restando ao clube escolher entre os outros três.

Além da confirmação sobre o local do jogo de ida entre Vasco e Flamengo, o mandatário do Botafogo revelou seu interesse em saber mais detalhes sobre a gestão de Fla e Flu para o Maracanã. Nelson Mufarrej considera importante a união entre os quatro grandes clubes para o crescimento do futebol carioca: “dentro de campo nós vamos disputar partidas, mas fora de campo é importante essa integração entre todos“.

Adaptado de: Coluna do Flamengo