Treinador do Flamengo, Jorge Jesus exalta participação da torcida no estádio do Maracanã: “Apaixonante e vibrante”

Jorge Jesus durante uma partida do Flamengo no Maracanã (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Banner Stake

Classificado às quartas de final da Libertadores da América, onde enfrentará o Internacional, de Porto Alegre, o Flamengo deve ao seu departamento médico a participação, no jogo desta quarta-feira (31 de julho), de jogadores como Everton Ribeiro e Arrascaeta.

Ciente da importância de ambos para a equipe, Jorge Jesus fez questão de agradecer aos profissionais do clube, mas foi além: na entrevista coletiva, logo após a vitória de 2 a 0 sobre o Emelec, no Maracanã, o treinador português frisou a importância do torcedor e do elenco:

(siga nosso perfil no Instagram: @GaveaNews)

https://www.instagram.com/p/B0oCwwEhRXc/

— Antes de falar do jogo quero agradecer ao departamento médico do Flamengo pela forma que tratou o Everton e o Arrascaeta. Foram importantes hoje nas condições que tiveram. Felizmente acabaram o jogo sem problema nenhum. Agradecer a torcida do Flamengo. A forma apaixonante e vibrante que colocou neste jogo, neste eliminatória. Foi importante para continuarmos na competição. Aos torcedores obrigado por esse confiança. Os jogadores fizeram um jogo inteligente. O primeiro tempo foi espetacular. Sabíamos que não teríamos combustível para fazer tudo aquilo durante todo o jogo. Colocamos que precisávamos desses dois gols rápidos.

O treinador português destacou um fator preponderante para o sucesso do time na decisão por pênaltis: o tempo para treinar. Algo que, segundo o ‘Mister’, ele não teve na partida de volta contra o Athletico-PR, quando o Flamengo foi derrotado nas penalidades:

— Trabalhamos os pênaltis, tivemos tempo. Uma coisa é mudar o pneu do carro em andamento, foi o que fiz aqui na primeira decisão. Não sabia quem batia pênaltis. A equipe estava preparada para isso. Quando fomos eliminados eu disse que não era sorte e sim trabalho. Trabalhamos em cima disso. Hoje mesmo trabalhamos pênaltis. Por isso, parabéns aos jogadores.

Adaptado de: Coluna do Fla