Saiba como estaria a tabela de classificação do Campeonato Brasil sem a utilização do VAR

Cabine do VAR no Maracanã (Foto: Marcelo Theobald)
Banner Stake

Dois jogos atrasados completaram a 21ª rodada do Brasileirão na última quarta-feira (02 de outubro) e, agora, todos os times têm 22 partidas realizadas na competição. Em Minas, o Vasco venceu o Atlético-MG de virada e respira mais aliviado. Já em Chapecó, o Corinthians derrotou a Chapecoense e igualou a pontuação do Santos.

De acordo com um levantamento feito pelo jornalista Alexandre Siqueira, que cataloga a utilização do árbitro de vídeo desde a primeira rodada, o Flamengo seria líder do Brasileirão independente do VAR.

O rubro-negro teria exatamente a mesma pontuação com ou sem o recurso. No entanto, na vice-liderança haveria uma importante mudança. Sem a tecnologia, o Corinthians teria 46 pontos e o Palmeiras 45.

Apesar de trazer mais justiça ao Brasileirão e elevar o número de acertos, o VAR tem sido bastante contestado. Não só na competição, mas também na Libertadores. Os dois jogos da semifinal geraram polêmicas. Para amenizar os problemas, a CBF liberou as imagens para a transmissão da TV. Assim, o telespectador pode assistir ao mesmo ângulo que o árbitro em campo.

Veja a tabela do Brasileirão sem VAR após todos os times realizarem 22 jogos:

Retirado de: Torcedores