Entenda as polêmicas envolvendo Erick Pulgar, novo reforço do Flamengo

0
Erick Pulgar em ação pela Fiorentina (Foto: Divulgação/Fiorentina)

O Flamengo acertou duas novas contratações nesta semana. Uma delas, Guilhermo Varela, já está no Rio de Janeiro para realizar exames e assinar com o Mais Querido. Poucas horas depois foi anunciado o acerto com Erick Pulgar, o que dividiu opiniões entre os torcedores.

Desde a última quarta-feira (27), quando a contratação foi divulgada pela imprensa, diversos internautas foram às redes sociais para expressarem sua indignação com a decisão do Fla. A onda de revolta se referia ao fato de o Rubro-Negro ter acertado com um atleta envolvido em polêmicas na Justiça.

Mas afinal de contas, quais polêmicas são estas?

Caso de atropelamento

Aos 18 anos, quando ainda iniciava sua carreira internacional pelo Antofagasta, no Chile, Pulgar atropelou um senhor de 66 anos e não prestou socorro. A vítima não resistiu e veio a óbito posteriormente. O atleta foi preso de forma preventiva.


Em depoimento, o jovem contou à polícia que fugiu da cena do crime pois, apesar da experiência no volante, ele não tinha carteira de habilitação e ficou com medo.

Anos depois, quando já era habilitado, o jogador foi condenado pelo crime e teve sua carteira de motorista suspensa por um ano. A decisão da Justiça trouxe revolta à família da vítima fatal do acidente, que abriu uma ação contra o atleta na 28ª Vara Cível de Santiago.

Envolvimento em estupro

Erick Pulgar foi envolvido em uma denúncia de estupro em junho deste ano. A vítima é uma mulher de 24 anos, que afirmou às autoridades que o crime aconteceu em uma festa na casa do jogador. A vítima não denunciou o jogador como infrator.

O atleta negou as acusações em depoimento à polícia local. O chileno ainda se manifestou nas redes sociais, onde fez um comunicado oficial (apagado posteriormente) se colocando à disposição para a investigação. Pulgar ainda disse que não tinha “conhecimento de quaisquer problemas que tenham surgido” em sua casa e que não está envolvido em nenhuma denúncia ou crime.