Vídeo: Pablo Marçal gera polêmica ao se comparar com Ayrton Senna

Ayrton Senna, piloto brasileiro de Fórmula 1 (Foto: Getty Images)

O coach Pablo Marçal tornou-se centro de uma nova polêmica esta semana, após um vídeo de uma de suas palestras ganhar grande repercussão nas redes sociais. No vídeo, Marçal faz comparações entre si mesmo e o consagrado piloto Ayrton Senna, trazendo à tona uma série de afirmações controversas.

Em uma live transmitida em janeiro de 2024, Marçal, conhecido como o “coach da montanha”, declarou que, embora admire a velocidade de Senna, o ex-piloto não figurava entre seus ídolos. A justificativa? Senna, segundo Marçal, não alcançou o status de bilionário durante sua vida.

Leia também:

— Que Senna? Senna não tinha banco não, o Senna não tinha avião próprio não, o Senna não pilotava helicóptero como eu não. Vamos tratar o Senna agora e pôr ele no lugar dele? Que Deus o tenha, mas deixa eu te falar uma coisa. O Senna não era bilionário, o Senna não escreveu 45 livros, disse Pablo Marçal.

No entanto, a realidade sobre a vida de Ayrton Senna contradiz as afirmações de Marçal. Documentos e registros históricos apontam que Senna possuía sim três helicópteros e que sua fortuna era estimada em cerca de US$ 400 milhões ao tempo de sua morte, em maio de 1994.

Corrigido pela inflação, esse valor seria equivalente a aproximadamente US$ 840 milhões hoje, o que em conversão para o real, posiciona a fortuna do piloto em torno de R$ 4 bilhões – um montante significativamente maior que os R$ 96 milhões declarados por Marçal à justiça eleitoral em 2022.

Além disso, Marçal já havia causado controvérsia anteriormente ao comentar sobre a morte de Senna, sugerindo que o trágico acidente em Imola, em 1994, foi fruto de ousadia, e não um infortúnio.