Flamengo x Flamengo: presidente tricolor discute com torcedores Rubro-Negros no Maracanã

Mário Bittencourt e Rodolfo Landin - Foto reprodução Twitter

No clássico carioca que agitou o Maracanã neste sábado, o Flamengo demonstrou superioridade ao vencer o Fluminense por 2 a 0, no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Carioca. Os gols da partida foram marcados por Everton Cebolinha e Pedro, nomes decisivos que colocaram o Rubro-Negro em uma posição confortável para o confronto de volta.

Com essa vitória, o Flamengo, que já tinha a vantagem do empate por ter conquistado a Taça Guanabara, agora pode perder por até dois gols no jogo de volta e ainda assim garantir sua vaga na grande final.

Leia também:

O jogo foi marcado não só pela disputa em campo, mas também por um incidente envolvendo Mário Bittencourt, presidente do Fluminense, que foi flagrado em um acalorado debate com torcedores do Flamengo. A discussão, capturada por câmeras e relatada pela jornalista Raisa Simplício evidenciou o clima tenso que envolveu o clássico. Apesar das imagens e relatos, não foi possível determinar o que motivou o início do confronto verbal entre o dirigente tricolor e os torcedores rubro-negros.

A expectativa agora se volta para o segundo confronto entre as equipes, marcado para o próximo sábado (16), às 21h, no mesmo palco, o Maracanã. Desta vez, com o Flamengo atuando como mandante, a equipe liderada por Fernando Diniz precisará de uma vitória por três gols de vantagem para avançar à final, tarefa árdua diante de um adversário fortalecido pela recente vitória e pelo apoio de sua apaixonada torcida.

Ayrton Lucas

A contusão de Ayrton Lucas gerou uma onda de preocupação não só entre os torcedores do Flamengo, mas também na comissão técnica da Seleção Brasileira. O lateral-esquerdo, que havia sido recentemente convocado por Dorival Júnior para representar o Brasil, sentiu um desconforto no joelho direito e precisou ser substituído ainda no primeiro tempo do jogo, entrando em seu lugar Matias Viña.

A gravidade da lesão ainda é uma incógnita, dependendo da avaliação detalhada e do tratamento proposto pelos médicos do Flamengo, que já começaram os cuidados no próprio estádio, visando uma recuperação ágil para que o jogador possa retornar às atividades o quanto antes.