Ficou doidão? Rossi viraliza no Instagram por motivo hilário; vídeo

Rossi em ação pelo Flamengo no Maracanã (Foto: Paula Reis/Flamengo)

Nesta temporada, Rossi tem sido pouco exigido nos jogos do Flamengo, reflexo do fortalecimento do sistema defensivo da equipe. Até o momento, em 12 partidas oficiais com o goleiro defendendo a meta, o Rubro-Negro manteve sua rede intacta.

No clássico contra o Fluminense, no último sábado, Rossi se aproximou de uma marca histórica pelo Flamengo. O goleiro alcançou 900 minutos sem sofrer gols, ficando atrás apenas do ex-goleiro Cantarele, que, entre 1978 e 1979, estabeleceu o recorde de 959 minutos sem ter a sua baliza vazada.

Leia também:

Durante o clássico com o Fluminense, Rossi não realizou nenhuma defesa significativa, mas protagonizou um momento que repercutiu na internet. Ele se atirou em uma finalização que passou distante do gol, gerando um vídeo que viralizou nas redes sociais.

Flamengo chega a 10 jogos seguidos sem sofrer gol 

  • Portuguesa 0 x 0 Flamengo – 27/01 – 4ª rodada – Arena das Dunas (Natal – RN) 
  • Sampaio Corrêa 0 x 2 Flamengo – 31/01 – 5ª rodada – Estádio Mangueirão (Belém – PA) 
  • Vasco 0 x 0 Flamengo – 04/02 – 6ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Flamengo 1 x 0 Botafogo – 07/02 – 7ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Flamengo 3 x 0 Volta Redonda – 10/02 – 3ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Bangu 0 x 3 Flamengo – 15/02 – 8ª rodada – Arena Batistão (Aracaju – SE) 
  • Flamengo 4 x 0 Boavista – 20/02 – 9ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Flamengo 2 x 0 Fluminense – 25/02 – 10ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Flamengo 3 x 0 Madureira – 02/03 – 11ª rodada – Estádio do Maracanã 
  • Fluminense 0 x 2 Flamengo – 09/03 – Jogo de ida da semifinal do Campeonato Carioca – Estádio do Maracanã 

No duelo contra o Fluminense no próximo sábado, o Flamengo pode alcançar feito inédito na história do clube. O Mais querido se não levar gol, chega a 11 jogos sem ser vazado.

Carreira de Rossi

Agustín Rossi, nascido em Buenos Aires, teve início profissional no Chacarita Juniors, onde fez sua estreia em abril de 2014. Sua jornada no futebol argentino logo o levou ao Estudiantes de La Plata, clube pelo qual fez sua estreia na Primera División em abril de 2015, marcando o começo de sua carreira em clubes de maior expressão. Após uma breve passagem por empréstimo no Defensa y Justicia em 2016, Rossi encontrou seu lugar ao ser transferido para o Boca Juniors em fevereiro de 2017, onde sua habilidade como goleiro começou a ser mais reconhecida.

No Boca, Rossi teve um papel crucial, principalmente na Copa Libertadores de 2018, ajudando o time a alcançar a final contra o River Plate. Além disso, teve uma passagem por empréstimo no Antofagasta, do Chile, e no Lanús, onde se firmou como titular e retornou ao Boca com status elevado, destacando-se em importantes partidas, inclusive defendendo pênaltis em confrontos decisivos, como na Copa da Liga Argentina contra o River Plate, contribuindo para vitórias significativas do clube.

Em janeiro de 2023, Rossi foi emprestado ao Al-Nassr, da Arábia Saudita, onde ficou até junho de 2023, antes de iniciar uma nova etapa na sua carreira, desta vez no Brasil, ao assinar com o Flamengo.

Durante sua carreira, Rossi conquistou títulos relevantes, como a Primera División Argentina e a Copa Argentina pelo Boca Juniors, além de ser vice-campeão da Saudi Professional League pelo Al-Nassr.