Goleiro do Flamengo, Rossi pode superar Rogério Ceni

Rossi em ação pelo Flamengo no Maracanã (Foto: Paula Reis/Flamengo)

O Flamengo se encontra em uma fase de preparação visando seu próximo desafio no Campeonato Carioca, onde enfrentará o Nova Iguaçu pela partida de ida da semifinal. O confronto está marcado para o dia 30 de março (sábado), prometendo movimentar o cenário do futebol carioca. Um dos grandes destaques desta preparação é Agustín Rossi, o goleiro argentino que tem se destacado no clube carioca por suas notáveis atuações.

Rossi, que já é um nome de confiança entre os torcedores do Flamengo, está à beira de alcançar um feito histórico no futebol brasileiro. O jogador tem a chance de superar Rogério Ceni, um dos ícones do esporte, no ranking de goleiros com mais minutos sem sofrer gol. Atualmente, Rossi acumula 965 minutos de invencibilidade, precisando de apenas 23 minutos a mais sem sofrer gols no jogo contra o Nova Iguaçu para ultrapassar a marca de Ceni, que está com 988 minutos.

Leia também:

Este ranking é uma verdadeira galeria de lendas do futebol brasileiro, com nomes como Mazaropi, Zetti, Emerson Leão e Paul Plassmann ocupando as primeiras posições. Rossi, além de buscar uma posição ainda mais privilegiada entre esses nomes históricos, já cravou seu nome na história do Flamengo. Ele superou Cantarele, estabelecendo um novo recorde no clube com o maior tempo sem ter sua meta vazada.

  1. Mazaropi (1978): 1.816 minutos
  2. Zetti (1987): 1.238 minutos
  3. Emerson Leão (1973): 1.057 minutos
  4. Paul Plassmann (1969): 1016 minutos
  5. Rogério Ceni (2007): 988 minutos
  6. Agustín Rossi (2024): 965 minutos

Agustín Rossi

Agustín Rossi iniciou sua trajetória profissional no Chacarita Juniors, onde se destacou e contribuiu para a promoção do time ao Campeonato Primera B de 2015. Sua carreira ganhou novos contornos ao se transferir para o Estudiantes em 2015, onde fez sua estreia na Primera División contra o Rosario Central. Posteriormente, foi emprestado ao Defensa y Justicia, marcando sua passagem pela primeira divisão argentina com atuações sólidas​​​​.

Rossi jogando pelo Boca Juniors (Hernan Cortez/Getty Images South America)

Em 2017, Rossi viveu um marco em sua carreira ao ser contratado pelo Boca Juniors. Durante seu tempo no clube, ele desempenhou um papel crucial em vários títulos conquistados, incluindo duas edições do Campeonato Argentino e uma Copa Argentina. Sua habilidade em defender pênaltis se destacou, especialmente na Copa da Liga Argentina de 2021, onde suas defesas contra o River Plate foram decisivas para a classificação do Boca. Em 2022, foi reconhecido como o melhor jogador do futebol argentino, reafirmando sua importância para o time e para o cenário do futebol no país​​​​.

A trajetória internacional de Rossi inclui um empréstimo ao Al-Nassr da Arábia Saudita, onde substituiu o lesionado David Ospina. Após sua passagem pelo Oriente Médio, Rossi assinou com o Flamengo em 2023, onde rapidamente se estabeleceu como titular, contribuindo para conquistas importantes como a Taça Guanabara de 2024​​​​.

Sua carreira na seleção também é notável, tendo representado a Argentina no Campeonato Sul-Americano Sub-20 de 2015, onde sua equipe sagrou-se campeã. Além disso, participou da Copa do Mundo FIFA Sub-20 daquele mesmo ano​​. Esses feitos destacam a trajetória de sucesso de Rossi, marcada por conquistas importantes tanto em clubes quanto na seleção, fazendo dele um dos goleiros mais destacados de sua geração.