Neymar se declara ao Flamengo, reforço a caminho e Caixa atrasa avanço do estádio: veja as últimas notícias do Flamengo

Neymar com camisa do Flamengo (Foto: Reprodução)
Banner Stake

Nas últimas horas, o foco das notícias sobre o Flamengo se concentra nos bastidores do clube, com destaques como Neymar se declarando ao Flamengo e a Caixa atrasando o avanço do estádio.

Por conta deste contexto, leia abaixo um resumo preparado pela equipe do portal Gávea News para lhe manter muito bem informado!

Reforço a caminho

Marcos Antônio
Marcos Antônio pela seleção Brasileira (Foto: Reprodução/Instagram)

A diretoria do Flamengo está focada em reforçar o elenco com a contratação de Marcos Antônio, atualmente na Lazio, atendendo a um pedido do técnico Tite. Para isso, uma reunião com os representantes do jogador foi agendada para discutir os termos da proposta a ser enviada ao clube italiano. O jornalista Venê Casagrande informou que o Flamengo pretende fazer uma proposta, mas ainda há incerteza sobre se será um empréstimo com opção de compra ou uma compra definitiva.

Marcos Antônio tem contrato com a Lazio até junho de 2027, o que pode complicar as negociações. O Flamengo busca uma proposta vantajosa e está otimista, já que a Lazio não planeja utilizar o jogador na próxima temporada. O jogador foi emprestado ao PAOK na temporada passada, indicando que a Lazio está disposta a negociá-lo. No entanto, o clube italiano ainda não decidiu se prefere um empréstimo ou uma venda definitiva.

A reunião entre os representantes de Marcos Antônio e a diretoria do Flamengo será crucial para definir a abordagem junto à Lazio. O objetivo é chegar a um consenso que satisfaça todas as partes, facilitando a transferência do jogador para o Flamengo. A expectativa é que as conversas avancem de maneira positiva, levando a uma proposta concreta.

Neymar se declara ao Flamengo

Neymar em ação pelo Seleção Brasileira (Foto: Reprodução/Instagram)

Na noite de quinta-feira (13), o Flamengo venceu o Grêmio por 2 a 1 em um confronto emocionante no Maracanã, pela 8ª rodada do Brasileirão. Luiz Araújo foi o destaque, marcando dois gols para o Flamengo, enquanto Edenílson descontou para o Grêmio. Com a vitória, o Flamengo, comandado por Tite, alcançou 17 pontos e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro, ultrapassando o Botafogo. O Grêmio, por sua vez, manteve 6 pontos e ficou na 13ª colocação.

Um momento marcante da partida foi a presença de Neymar no estádio. O atacante, atualmente jogando pelo Al-Hilal, revelou seu carinho pelo Flamengo em entrevista à FlaTV, afirmando que o clube carioca é seu segundo time do coração, após o Santos. Neymar destacou o respeito pelo Santos, clube que o formou, mas enfatizou sua ligação emocional com o Flamengo, expressando o desejo de um dia vestir a camisa rubro-negra.

Após a partida, Neymar reiterou seu desejo de jogar pelo Flamengo no futuro, apesar de seu contrato atual com o Al-Hilal. Ele mencionou que só Deus sabe o que o futuro reserva, mas não descartou a possibilidade de um dia defender o clube carioca, deixando claro seu grande apreço pelo Flamengo e seus torcedores.

Caixa atrasa avanço do estádio

Estádio do Flamengo na região do Gasômetro (Foto: Prefeitura do Rio de Janeiro)

Em uma reunião realizada no final de maio, Flamengo, Prefeitura do Rio de Janeiro e Caixa Econômica discutiram a compra de um terreno na região do Gasômetro para a construção do novo estádio do clube. A Caixa se comprometeu a fornecer um valor final pelo terreno dentro de três dias, com uma proposta inicial de R$ 2.400 por metro quadrado, ajustável entre 10 e 15%. No entanto, após quase três semanas, o banco ainda não deu resposta, levando Flamengo e Prefeitura a planejarem uma nova reunião para estabelecer um cronograma independente da Caixa. O prefeito Eduardo Paes sugeriu a possibilidade de desapropriação do terreno para o poder público.

A reunião entre Flamengo e Prefeitura, marcada para a próxima segunda-feira, visa criar um cronograma de trabalho para o terreno, com datas definidas independentemente da Caixa Econômica. A preocupação é que o banco prolongue a situação até o período eleitoral no fim do ano, tanto para o clube quanto para o município. A iniciativa também busca pressionar políticos de Brasília, que possuem influência sobre o Flamengo e a Caixa, para obter uma resposta mais rápida. O Flamengo pretende pagar R$ 250 milhões pelo terreno, mas a Caixa deseja um valor maior devido à administração da área por um fundo de investidores. O prefeito Eduardo Paes destacou que a operação valorizaria a região e beneficiaria todos os envolvidos.

Parte dos recursos para a compra do terreno virá da transferência do potencial construtivo da Gávea, sede do Flamengo, que precisa ser aprovada pela Câmara dos Vereadores. Foi criada uma frente parlamentar na Câmara para discutir o tema, mas a aprovação depende da posse do terreno pelo Flamengo ou de sua desapropriação pela Prefeitura. O potencial construtivo se refere à quantidade de construção permitida no terreno da Gávea, e o Flamengo planeja usar esse recurso no novo estádio, conforme o plano diretor da cidade que controla o crescimento urbano.