Ídolo do Flamengo retorna ao clube; veja detalhes

CT Ninho do Urubu - Foto: Paula Reis
Banner Stake

Diego Ribas será o novo embaixador do Flamengo nos Estados Unidos

Com o objetivo de expandir a marca para outros países, o Flamengo já deu início aos preparativos para essa estratégia. Na última terça-feira (25), o clube selecionou Diego Ribas, um ídolo do time, para ser o novo embaixador encarregado de promover o renome do Mais Querido globalmente.

— É um orgulho enorme ser o embaixador do Flamengo no occer Camp em Orlando, o primeiro camp do clube fora do Brasil. Isso mostra a grandeza desse clube. Espero passar os valores do Flamengo e compartilhar tudo que aprendi na Florida Cup, em 2019, Espero que os participantes aproveitem para se divertir, aprender e que, no fim, saiam pessoas melhores — disse Diego Ribas.

A primeira missão de Diego Ribas como embaixador do Flamengo ocorrerá entre os dias 29 de julho e 02 de agosto deste ano, em Orlando, Estados Unidos. Durante esse período, o ex-meia participará do ‘Summer Camp’ e será a principal atração para interagir com pais e alunos locais.

Diego Ribas (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

O ‘Summer Cup’ é uma oportunidade de recrutar talentos nos Estados Unidos, sendo equivalente às peneiras realizadas no Brasil. Promovido no verão, o evento reúne diversos jovens para avaliações, enquanto professores e especialistas acompanham de perto as atividades diárias nos treinamentos.

O Real Madrid implantou um projeto semelhante nos Estados Unidos, servindo de inspiração para o Flamengo. Este será o primeiro evento do projeto, porém o clube já programou outras edições para os próximos dois anos. O planejamento inclui a realização de dois eventos anuais: um no início e outro no meio do ano. Dessa forma, até o final de 2026, serão realizados cinco ‘camps’.

O Flamengo Soccer Camp terá como foco a temática rubro-negra, incluindo uniformes e instruções sobre a forma de jogar, proporcionando uma experiência para vivenciar a metodologia da Escola Flamengo, que é o maior projeto de escolinhas de futebol do Brasil. Crianças e jovens de 6 a 17 anos, sejam brasileiros ou estrangeiros, terão a oportunidade de participar. Além disso, haverá a presença de olheiros para observar as atividades em campo.