Saída de 10 atletas gera economia de quase R$ 30 milhões ao Flamengo

2
Kenedy em treino do Flamengo no Ninho do Urubu (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

O Flamengo iniciou o ano fazendo reformulações em seu quadro de funcionários. Além de dispensar alguns dos funcionários da comissão técnica permanente do clube, alguns dos atletas estão deixando o Rubro-Negro, tenham eles propostas ou não.

Até o momento, o clube já fechou a saída de nove jogadores. São eles: César (saída definida), João Lucas (agora jogador do Cuiabá), Bruno Viana (fim de empréstimo), Hugo Moura (emprestado ao Athletico-PR), Vitor Gabriel (emprestado ao Juventude), Piris da Motta (vendido ao Cerro Porteño), Bill (vendido ao Dnipro-UCR), Max (vendido ao Colorado-EUA) e Kenedy (de volta ao Chelsea após pedido do clube inglês).

Além dos jogadores citados acima, os representantes de Gabriel Batista entendem que uma saída do clube pode ser benéfica ao goleiro, uma vez que ele não recebe muitas oportunidades no elenco profissional do Mais Querido. O contrato do arqueiro também se aproxima do fim, cessando em dezembro deste ano.

Desta forma, caso concretize a saída de Gabriel Batista, o Flamengo terá a economia de  R$ 28.602.819,70 neste ano. A informação é do portal “ge”. Os valor calculado se refere a salários, direitos de imagem e encargos que o clube da Gávea teria de arcar até o fim dos vínculos dos jogadores mencionados.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here