Zico reprova atitude da diretoria do Flamengo e faz comparação com o Palmeiras

Zico, ex-jogador e ídolo do Flamengo (Foto: André Durão / Globoesporte.com)
Banner Stake

Nos últimos anos, o Flamengo intensificou a venda de jogadores para o futebol europeu. Contudo, Zico, maior ídolo do clube, acredita que o time deveria aproveitar mais os jovens do elenco antes de concretizar as negociações. Segundo ele, o Flamengo adotou um modelo onde forma e vende rapidamente os jogadores, diferente do passado, quando os atletas da base eram plenamente desenvolvidos no time principal antes de serem transferidos.

Um exemplo contrastante é o Palmeiras, que passou de um clube focado em contratações para um que investe nas categorias de base. Esse novo modelo vem dando resultados dentro e fora de campo. Atletas como Endrick e Estêvão, formados no clube, foram valorizados e vendidos por quantias significativas, mostrando que a aposta nos jovens pode ser vantajosa.

— O Palmeiras era um time de contratação. De repente começou a promover e olha quanto de grandes jogadores surgiram lá. Demora. (…) O Flamengo adotou outro. Formava e vendia. Antigamente, ganhava, formava. O Flamengo fazia em casa. Agora não. Agora está vendendo, adquirindo verba e contratando mais que o normal, afirmou Zico.

Além disso, o Flamengo tem aumentado o número de estrangeiros em seu elenco nos últimos anos. Para a atual temporada, foram contratados Matías Viña e Nicolás de la Cruz, elevando o número de estrangeiros para seis, incluindo quatro uruguaios, um argentino e um chileno.

Atualmente, o Flamengo se prepara para enfrentar o Fortaleza nesta quarta-feira (11), às 20h (horário de Brasília), no Maracanã, em jogo válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time terá desfalques importantes, já que os quatro uruguaios do elenco estão disputando a Copa América.

Carro luxuoso de Vini Jr. chama atenção

Os jogadores do Real Madrid foram agraciados com “brindes de luxo” da patrocinadora do clube, a BMW, e puderam escolher entre uma seleção de modelos elétricos de alta classe. Vinícius Júnior optou pelo BMW i4 M50, avaliado em cerca de R$ 430 mil. Antes da BMW, o Real Madrid era patrocinado pela Audi, que igualmente presenteava o elenco com carros de alto padrão. Veja mais detalhes do carro luxuoso de Vini Jr em nosso canal no YouTube: