City define substituto para Ederson, Chelsea negocia com Barcelona e Liverpool recusa contratação: as últimas notícias da Europa

Escudos de Manchester City e Chelsea (Foto: Reprodução)
Banner Stake

Nesta matéria, trazemos um resumo especial para os amantes do esporte que sempre desejam estar bem informados sobre os últimos acontecimentos do mundo esportivo europeu. Com o objetivo de oferecer uma visão rápida e prática, reunimos aqui as principais manchetes da imprensa esportiva da Europa.

Se você procura se manter atualizado sobre os principais eventos e notícias esportivas sem perder tempo, este é o lugar certo. Continue conosco para um panorama ágil e informativo das novidades mais relevantes do cenário esportivo europeu.

Chelsea negocia com Barcelona

Escudo do Barcelona (Foto: Reprodução)

Lucy Bronze, após uma passagem marcante pelo Barcelona, está prestes a retornar à Inglaterra, com negociações avançadas para se juntar ao Chelsea, atual campeão da Women’s Super League (WSL). A contratação, sem custos e por dois anos com opção de extensão por mais um, foi motivada pela falta de garantias de um papel de destaque no Barcelona, onde enfrentava concorrência com a lateral espanhola Ona Batlle. A nova treinadora do Chelsea, Sonia Bompastor, solicitou a contratação de Bronze, vendo nela uma peça-chave para fortalecer o elenco.

Bronze possui um histórico impressionante no futebol, tendo jogado por clubes como Everton, Liverpool, Sunderland, Manchester City e Lyon. Entre suas conquistas estão cinco títulos da Champions League, três com o Lyon e dois com o Barcelona. Ela também foi eleita a Melhor Jogadora da UEFA em 2018/2019 e a Melhor Jogadora Feminina da FIFA em 2020. No Chelsea, Bronze reencontrará Camille Abily, assistente técnica com quem trabalhou no Lyon, marcando o primeiro grande movimento do Chelsea sob o comando de Bompastor, após a saída de Emma Hayes.

A chegada de Lucy Bronze ao Chelsea é vista como crucial para manter o nível competitivo do time. O clube acredita que sua experiência e qualidade são inestimáveis, esperando que desempenhe um papel fundamental na busca por novos títulos. Além de Bronze, o Chelsea também contratou Julia Bartel, meio-campista espanhola de 20 anos, reforçando ainda mais o plantel para a próxima temporada. Bartel assinou um contrato de três anos com opção de extensão por mais um, demonstrando a ambição do Chelsea em continuar dominando o cenário do futebol feminino.

City define substituto para Ederson

A possível saída de Ederson do Manchester City tem movimentado o mercado de transferências, com o goleiro brasileiro sendo atraído por uma oferta significativa da Liga Pro da Arábia Saudita. Ederson, peça essencial na conquista do quarto título consecutivo da Premier League pelo City, está considerando seu futuro no clube devido à proposta tentadora. O Manchester City, ciente das negociações iniciadas desde maio, está disposto a liberar o jogador caso ele deseje sair, com Stefan Ortega sendo cotado como provável substituto temporário.

Em busca de um novo goleiro, o Manchester City já está de olho em Anthony Patterson, do Sunderland. Revelado pelo Sunderland em 2018, Patterson chamou a atenção com suas performances consistentes na última temporada, destacando-se em 45 jogos com 13 partidas sem sofrer gols e uma média de 4 gols evitados por jogo. Além do City, outros grandes clubes como Arsenal e Liverpool também demonstraram interesse no jovem goleiro, tornando-o uma opção promissora para substituir Ederson caso a transferência se concretize.

A especulação em torno da saída de Ederson aumentou com a notícia de que o Al-Nassr estaria disposto a pagar 60 milhões de euros por um contrato de dois anos. As negociações estão em estágio avançado, conforme destacado pelo especialista em transferências Gianluigi Longari. Com um acordo pessoal supostamente já alcançado entre Ederson e o Al-Nassr, as tratativas entre os clubes devem se intensificar em breve. A saída de Ederson exigirá que o Manchester City ajuste seu planejamento e encontre uma reposição à altura, com Anthony Patterson sendo uma potencial solução para manter o alto nível de desempenho da equipe.

Liverpool recusa contratação

Anthony Gordon em ação pelo Newcastle (Foto: Reprodução/Instagram)

O Liverpool quase finalizou a contratação de Anthony Gordon, jogador do Newcastle, mas o negócio não se concretizou. O agente de Gordon estava pressionando para a transferência ocorrer, especialmente porque o Newcastle precisava levantar fundos antes do fim do ano financeiro da Premier League, em 30 de junho, para cumprir as regras de lucro e sustentabilidade. Para arrecadar dinheiro, o Newcastle vendeu Yankubah Minteh ao Brighton por £ 30 milhões e Elliot Anderson ao Nottingham Forest por £ 35 milhões, mas oferecer Gordon ao Liverpool não gerou o interesse esperado devido aos valores baixos.

Anthony Gordon estava interessado em se transferir para o Liverpool, seu clube de infância, e discutiu a possibilidade com seus colegas de equipe durante a Eurocopa. O Newcastle agora está preocupado com o estado psicológico de Gordon após a transferência não ter se concretizado, já que ele é considerado um dos principais jogadores do time após sua boa performance na temporada passada. A equipe não quer perder um jogador valioso e busca manter a motivação de Gordon elevada para a próxima temporada.

O Liverpool possui vários jogadores para a posição de Gordon, como Luis Diaz, Cody Gakpo e Darwin Nunez, e não estava disposto a gastar grandes quantias em mais um jogador para essa mesma posição. A troca de Joe Gomez ou Jarell Quansah também foi considerada, mas rejeitada pelo Liverpool devido à escassez de zagueiros no elenco. Apesar da transferência de Gordon não ter ocorrido, ele continua sendo altamente valorizado pelo Newcastle, e o impacto dessa situação em seu desempenho e motivação na próxima temporada ainda é incerto.