Flamengo aceita negociar volante em definitivo

7
Ronaldo em ação pelo Flamengo, no estádio do Maracanã (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

A torcida do Flamengo aguarda ansiosamente os retornos dos campeonatos. O time estava em alta antes da paralisação do futebol e já tinha ganhado três títulos: a Taça Guanabara, a Recopa Sul-Americana e a Supercopa do Brasil. Além disso, estava muito bem na Libertadores e, em dois jogos, conseguiu duas vitórias.

Enquanto isso nos bastidores, a diretoria do Flamengo continua atenta ao mercado e prioriza definir as saídas de atletas que não estão dentro do planejamento na temporada.

É o caso do jovem Ronaldo, de 23 anos, que está emprestado ao Bahia: ele vinha recebendo sondagens do exterior antes da parada dos campeonatos. O volante está emprestado ao Tricolor de Aço até o final do ano. Internamente, o Mengão está animado com a possibilidade para negociar o atleta de forma definitiva e aguarda propostas oficiais para bater o martelo.

O jogador sempre foi muito bem visto por boa parte da torcida do Mais Querido do Brasil, mas nunca se firmou no elenco do clube carioca. Vários treinadores já passaram pelo Flamengo e com nenhum deles o atleta conseguiu render o esperado e ensaiar uma titularidade. Na base, a promessa se destacava bastante e, até por isso, os torcedores ficaram animados com o seu futebol no profissional.

No Bahia, Ronaldo também não é considerado titular absoluto e continua tentando encontrar seu espaço no time de Roger Machado. No entanto, as características do jogador chamam atenção de times de fora do Brasil, já que ele pode atuar como o segundo homem de meio de campo ou mais recuado, na frente dos zagueiros.

Se uma proposta que atenda as exigências flamenguistas chegar, o jovem deve ser vendido. A ideia é conseguir comprar Thiago Maia já no começo deste ano, por mais que o empréstimo do jogador tenha duração até junho de 2021.

Retirado de: Bola Vip

7 COMENTÁRIOS

  1. Bom menino. As características são de “cão de guarda”. Para mim, melhor que Piris da Mota. Tem a saída de bola mais “redonda”. Acho que se rodasse pelo futebol argentino voltaria no estilo Felipe Melo.

  2. Base é uma coisa, profissional é outro patamar, não rendeu porque tremeu jogador tem que dar SANGUE na veia e pronto vai com Deus e saúde.

  3. Na verdade o cara não teve oportunidade, e as vezescque jogou não teve sequência, infelizmente isso é cultural no flamengo, falta paciência com atletas da base, porque com Arão a paciência fio de Jó, isso sem falar de Márcio Araújo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here