Lyon define quando e como irá pagar o Flamengo

3
Lucas Paquetá durante treinamento no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Por ser o clube formador de Lucas Paquetá, o Flamengo se beneficiou da venda da meia ao Lyon. Sendo assim, conforme dados publicados no último balanço divulgado pela diretoria, o valor de 800 mil euros (R$ 5.3 milhões) irá abastecer os cofres rubro-negros. Porém, o montante questão não vai ser depositado à vista pelo time francês, chegando de forma total apenas em 2022.

Sendo assim, o pagamento será feito por meio de três parcelas de 267 mil euros: 21 de novembro de 2020, 31 de outubro de 2021 e 31 de outubro de 2022. Portanto, o primeiro depósito será feito já neste mês, com os dois restantes sendo feitos de forma anual. Mesmo assim, a quantia deve ser útil ao Flamengo, que também foi afetado pelos efeitos da pandemia.

Nos últimos jogos, o Rubro-Negro vem dando espaço para os jovens da base. Diante disso, nomes como Natan, Noga, Ramon, Daniel Cabral e João Gomes podem render excelentes quantias ao clube no futuro, casos que ocorreram com Paquetá, Vinicius Jr e Reinier. No entanto, a prioridade é garantir que os jovens tenham sequência no time, evitando uma venda “prematura”.

Vale lembrar que Paquetá já havia sido vendido ao Milan por 35 milhões de euros (R$ 231 milhões na época). Na Itália, o meia não conseguiu ter o sucesso esperado, sendo repassado ao Lyon por 18 milhões de euros (então, R$ 119 milhões).

Retirado de: Torcedores

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here