Flamengo pode adotar postura raríssima no futebol com Bruno Henrique

Atacante Bruno Henrique durante o jogo entre Flamengo x Cuiabá pelo Campeonato Brasileiro de 2022 (Foto: Reprodução/Flamengo/Flickr)

Por: Henrique Duarte

O Flamengo enfrenta um dilema em relação ao anúncio da renovação de contrato com o atacante Bruno Henrique. Embora tenham concordado com a extensão do contrato no último trimestre, ainda não divulgaram oficialmente o acordo ao público. A hesitação do clube em tornar a notícia pública vem de um debate interno sobre o possível impacto negativo que esse anúncio poderia ter entre os torcedores e na mídia.

O novo contrato de Bruno Henrique com o Flamengo vai até o final de 2026. Inicialmente, o clube desejava renovar até o final de 2024, mas após negociações, o estafe do jogador conseguiu um acordo para mais três anos. Essa extensão de contrato gerou opiniões divergentes entre os torcedores, especialmente considerando a idade do atleta.

Leia também:

Bruno Henrique, que está prestes a completar 33 anos, permanecerá no Flamengo até os 36 anos. Essa decisão de estender o contrato de um jogador na casa dos trinta foi vista com ceticismo por parte da torcida rubro-negra. As preocupações giram em torno do desempenho futuro do jogador e da capacidade do clube de manter um alto nível de competitividade.

Bruno Henrique em ação pelo Flamengo contra o Corinthians no Campeonato Brasileiro 2021 (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

A diretoria do Flamengo, ciente dessa divisão de opiniões, está debatendo a melhor maneira de comunicar essa renovação. A preocupação principal é evitar críticas e uma possível reação negativa nas redes sociais. Essa precaução reflete a sensibilidade do clube em relação às expectativas de seus torcedores e à importância de manter um ambiente positivo e de apoio em torno da equipe.