Jorge Sampaoli, ex-Atlético-MG e Santos, sonha com uma proposta para treinar o Flamengo

0
Jorge Sampaoli, enquanto treinador do Atlético Mineiro (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Jorge Sampaoli aguarda uma oferta convincente do futebol brasileiro para voltar a trabalhar, conforme apurado pelo site ‘Goal’. Livre no mercado da bola desde que deixou o Olympique de Marselha por causa da falta de investimento, em junho passado, o técnico argentino é criterioso ao escolher um novo clube. Ele pretende seguir no Brasil, onde tem residência fixa, mas só está disposto a trabalhar em um projeto estruturado.

Sampaoli gostaria de assumir clubes como Flamengo e Palmeiras, que têm estrutura, bons elencos e poder de investimento no mercado da bola. Ele não deseja repetir o que aconteceu quando esteve à frente de Santos e Atlético-MG. Nas duas ocasiões, ele se irritou por não ter solicitações de reforços atendidas pelas diretorias. Em que pese o incômodo, ele gastou mais de R$ 100 milhões em contratações na Vila Belmiro e R$ 200 milhões em Belo Horizonte.

O argentino é muito exigente ao avaliar as opções para o futuro no mercado da bola. A sua comissão técnica já recebeu convites do futebol sul-americano, incluindo o brasileiro, mas descartou todas as procuras. O técnico não está disposto a encarar um desafio sem perspectivas de títulos novamente — ele busca conquistas relevantes para acrescentar ao seu currículo.

A volta à Europa não está totalmente descartada por Sampaoli. Entretanto, também não pretende trabalhar em clubes como os que atuou no continente. Ele foi comandante do Sevilla em 2016/17 e esteve à frente do Olympique de Marselha em 2021/22. O retorno ao local só aconteceria em caso de trabalhar em um gigante, também com possibilidades de faturar um título relevante.

Retirado de: Goal